segunda-feira, 28 de julho de 2008

SYLLA NO PROGRAMA "CAMPO E LAVOURA" (27.JUL.2008)

video
Fonte:http://mediacenter.clicrbs.com.br/templates/player.aspx?uf=1&contentID=28608&channel=45

O Programa "Campo e Lavoura", da RBS, é apresentado aos domingos, antes do Programa Globo Rural.
No programa de domingo, dia 27.jul.2008, foi feita uma reportagem sobre fruticultura e turismo rural em Bagé, RS, e a nossa colega Sylla foi entrevistada.
Na matéria, aparece a pousada de sua propriedade, o mesmo local onde foi realizado o primeiro encontro da turma.

Colaboração: Soraya Malafaia Colares.

WERNER E CRISTIANE EM BRASILIA, DF (27.JUL.2008) 2

 


Uma pose para a posteridade.

 


Um pequeno desafio.

 


Quem terá sido o vencedor? Certamente, a volta aos velhos tempos foi mais forte, desculpadas as falhas da fotógrafa (Eneida) emocionada.
Posted by Picasa

WERNER E CRISTIANE EM BRASÍLIA, DF (27.JUL.2008) 1

 


Werner feliz por estar aqui, depois de 32 anos de ausência.

 


Eneida e Cristiane.

 


Werner e Cristiane saboreando uma torta tropical.

 
Posted by Picasa


Werner, Eneida e Cristiane.

terça-feira, 22 de julho de 2008

ARROZ REFORÇADO

 
Por Cláudio Correa Falcão de Azevedo

Só de me lembrar da massa com sardinha do Lucinei, chego a ter convulsões! Para quem não sabe, uma vez acampamos lá na Vista Alegre (vide Rudinho, Fuzilica, Puiel e outros Cuscos), era no famoso acampamento da turma. Naquela ocasião, fomos desalojados de perto da barragem pelas chuvas. Cheguei depois da mudança do acampamento, pois estava no "meu fora". Quando encerrávamos o tal acampamento, na "última ceia", o Barbicha resolveu fazer o seu fenômeno culinário. Não posso mentir. Estava bom, ou melhor, maravilhoso. Sabor inigualável para uma massa com sardinha. Acontece que tive uma intoxicação alimentar (talvez por sobrecarga), que cheguei a fiar surdo e todo inchado. Com toneladas de anti-histamínicos, reverti a situação. Mas massa com sardinha...AAAAARGH!!! - NUNCA MAIS!
Posted by Picasa

segunda-feira, 21 de julho de 2008

UM ARROZ CARREGADO - 2

Por Werner Ximendes Beck


 


Foto 4. A seriedade do cozinheiro, devidamente uniformizado, pegando pesado na profissão.

 

Foto 5.
 

Foto 6.

Fotos 5 e 6. A cambada atracada que nem porco na batata. Quase que fiquei sem janta. Naquela garrafa esquisita, que ganhei de presente, tem o tal do vinho caseiro que o Ângelo faz, como ela é barriguda representa estar sempre vazia. Faz-se necessário também um queijo parmesão ralado que tem em Rivera. Tem ainda o Gustavo e o Fábio que só largaram o computador na hora de atulhar o porão. Quem é que colocou aquele ventilador lá?
Posted by Picasa

UM ARROZ CARREGADO - 1

Por Werner Ximendes Beck

Trata-se de um "arroz carregado" (coisa que eu só vejo aqui em Santa Maria, RS), que nada mais é do que um arroz feito com "todo o tipo de resto de carne que você tiver em casa". Cada um traz o que tiver. Este foi feito com um pedaço de picanha, coração de galinha, lingüiça partida a faca, coxão de fora, lingüiça defumada, peito de frango e bacon, acrescenta-se aí cebola, alho, noz moscada, "curry", páprica picante, adobo, extrato de tomate e, ufa, tempero verde. Por fim o arroz (tem que ser do comum, melhor ainda se for do "vermelho", mas não tenho visitado meu fornecedor já que para os engenhos é prejuízo). O arroz é "mexido" todo o tempo, coisa que em Bagé é crime.


 


Foto 1. O cozinheiro oficial dotado de avental e touca, os óculos escuros é por causa do excesso de flashes (é dificil lidar com a fama). O auxiliar de cozinheiro (Felipe) também dotado de indumentária própria para a atividade recebendo, e cumprindo, todas as ordens pertinentes para levar a bom termo o processo "cozinhatório". Veja a elegância e a maciez com que são seguradas as lingüiças (sem trocadilhos!).

 


Foto 2. Filipe apresentando o "principal composto da mistura", a heróica panela companheira destes momentos difíceis; Angelo dando todo o apoio moral para o "chef". Verifica-se que não é mais necessário o uso de touca, mesmo porque não existe no trio muito cabelo a perder. Não aparece a hora no relógio da parede para não dar margens a comentários.

 


Foto 3. As meninas, Cinara, Cristiane e Rita (sentada). No cantinho a Gigi, futura cozinheira de mão cheia porque me confessou que já faz bóia para as bonecas, e elas gostam. Verifica-se que existe uma garrafa de rum na mesa, porque "chef" que é "chef" tem que tomar um trago, já o sub-chef Felipe, por conta da Lei Seca, ficou de bico seco. A garrafa térmica deixa demonstrado o orgulho gaúcho. Não sei o que que aquele ventilador tá fazendo lá atrás.
Posted by Picasa

sexta-feira, 18 de julho de 2008

THREE LITTLE BIRDS (BOB MARLEY, 1977)

video

Fonte: YouTube.

Letra de "Three little birds"

Bob Marley

Don't worry about a thing,
'Cause every little thing
gonna be all right.

Saying , don't worry about a thing
'Cause every little thing
gonna be all right.

Rise up this morning
Smile with the rising sun
Three little birds
It's by my doorstep
Singing sweet songs
of melodies pure and true
Sayin',"This is my message to you",uh,uh

Saying don't worry about a thing
'Cause every little thing
gonna be all right.

Saying don't worry about a thing
'Cause every little thing
gonna be all right

Rise up this morning
Smile with the rising sun
Three little birds
It's by my doorstep
Singing sweet songs
Of melodies pure and true
Sayin', "This is my message to you" uh, uh

Singing don't worry about a thing,
worry about a thing, oh!
Every little thing gonna be all right.
Don't worry!
Singing don't worry about a thing"
I won't worry!
'Cause every little thing gonna be all right.

Singing don't worry about a thing,
'Cause every little thing gonna be all right
I won't worry!
Singing don't worry about a thing,
'Cause every little thing gonna be all right.
Singing don't worry about a thing, oh no!
'Cause every little thing gonna be all right!

CALÇADÃO DE BAGÉ, RS

 


Fonte: Jornal "Correio do Sul", Bagé, RS, edição de 18.jul.2008.
Posted by Picasa

quinta-feira, 17 de julho de 2008

WE WILL ROCK YOU (QUEEN)(Budapeste, 1986)


Fonte: YouTube.

Letra

We Will Rock You

Buddy you're a boy make a big noise
Playin' in the street gonna be a big man some day
You got mud on yo' face
You big disgrace
Kickin' your can all over the place

Singin'
We will we will rock you
We will we will rock you

Buddy you're a young man hard man
Shoutin' in the street gonna take on
the world some day
You got blood on yo' face
You big disgrace
Wavin' your banner all over the place

We will we will rock you
Singin'
We will we will rock you

Buddy you're an old man poor man
Pleadin' with your eyes gonna make you
some peace some day
You got mud on your face
You big disgrace
Somebody better put you back into your place

We will we will rock you
Singin
We will we will rock you
Everybody
We will we will rock you
We will we will rock you
Alright

Fonte da letra: Internet.

WE WILL ROCK YOU (QUEEN)


Fonte: YouTube.

Música do grupo Queen executada com instrumentos tradicionais japoneses.

SMOKE ON THE WATER (DEEP PURPLE) (1972/1973)



Fonte: YouTube.

Letra:

Smoke on the water

We all came out to Montreux on the
lake Geneva shoreline
To make records with a mobile -
we didn't have much time
Frank Zappa & the Mothers
were at the best place around
But some stupid with a flare gun
burned the place to the ground

Smoke on the water - A fire in the sky
Smoke on the water

They burned down the gambling house -
it died with an awful sound
Funky & Claude was running in and out,
pulling kids out of the ground
When it all was over,
we had to find another place
Swiss time was running out -
it seemed that we would lose the race

Chorus

We ended up at the Grand Hotel -
it was empty, cold and bare
But with the Rolling Trucks Stones thing just
outside, we made our music there
With a few red lights an' a few old beds,
we made a place to sweat
No matter what we get out of this,
I know, I know we'll never forget

Chorus

Fonte da letra: Internet.

SMOKE ON THE WATER (DEEP PURPLE) (1972)


Fonte: YouTube.
Colaboração: Werner Ximendes Beck.

Versão da música "Smoke on the water" da banda Deep Purple, executada com intrumentos tradicionais japoneses.

terça-feira, 15 de julho de 2008

O ÚLTIMO DISCURSO DE "O GRANDE DITADOR" (CHARLES CHAPLIN,1940)

video
Fonte: YouTube.

O filme "O GRANDE DITADOR", de 1940, foi o primeiro filme falado de Charles Chaplin, cujo clímax é o discurso final, um triunfo da razão sobre o militarismo.

A tradução do discurso foi obtido na internet e encontra-se reproduzido abaixo:

"Desculpe!
Não é esse o meu ofício.
Não pretendo governar ou conquistar quem quer que seja.
Gostaria de ajudar - se possível -
judeus, o gentio ... negros ... brancos.


Todos nós desejamos ajudar uns aos outros.
Os seres humanos são assim.
Desejamos viver para a felicidade do próximo -
não para o seu infortúnio.
Por que havemos de odiar ou desprezar uns aos outros?
Neste mundo há espaço para todos.
A terra, que é boa e rica,
pode prover todas as nossas necessidades.


O caminho da vida pode ser o da liberdade e da beleza, porém nos extraviamos.
A cobiça envenenou a alma do homem ...
levantou no mundo as muralhas do ódio ...
e tem-nos feito marchar a passo de ganso para a miséria e os morticínios.
Criamos a época da velocidade, mas nos sentimos enclausurados dentro dela.
A máquina, que produz abundância, tem-nos deixado em penúria. Nossos conhecimentos fizeram-nos céticos; nossa inteligência, empedernidos e cruéis.
Pensamos em demasia e sentimos bem pouco.
Mais do que máquinas, precisamos de humanidade.
Mais do que de inteligência, precisamos de afeição e doçura.
Sem essas duas virtudes,
a vida será de violência e tudo será perdido.


A aviação e o rádio aproximaram-se muito mais. A próxima natureza dessas coisas é um apelo eloqüente à bondade do homem ... um apelo à fraternidade universal ... à união de todos nós. Neste mesmo instante a minha voz chega a milhões de pessoas pelo mundo afora ... milhões de desesperados, homens, mulheres, criancinhas ... vítimas de um sistema que tortura seres humanos e encarcera inocentes.
Aos que me podem ouvir eu digo: "Não desespereis!" A desgraça que tem caído sobre nós não é mais do que o produto da cobiça em agonia ... da amargura de homens que temem o avanço do progresso humano.
Os homens que odeiam desaparecerão, os ditadores sucumbem e o poder que do povo arrebataram há de retornar ao povo.
E assim, enquanto morrem os homens,
a liberdade nunca perecerá.


Soldados! Não vos entregueis a esses brutais ... que vos desprezam ... que vos escravizam ... que arregimentam as vossas vidas ... que ditam os vossos atos, as vossas idéias e os vossos sentimentos! Que vos fazem marchar no mesmo passo, que vos submetem a uma alimentação regrada, que vos tratam como um gado humano e que vos utilizam como carne para canhão! Não sois máquina! Homens é que sois! E com o amor da humanidade em vossas almas! Não odieis! Só odeiam os que não se fazem amar ... os que não se fazem amar e os inumanos.


Soldados! Não batalheis pela escravidão! lutai pela liberdade!
No décimo sétimo capítulo de São Lucas é escrito que o Reino de Deus está dentro do homem - não de um só homem ou um grupo de homens, mas dos homens todos! Estás em vós!
Vós, o povo, tendes o poder - o poder de criar máquinas.
O poder de criar felicidade!
Vós, o povo, tendes o poder de tornar esta vida livre e bela ...
de fazê-la uma aventura maravilhosa.
Portanto - em nome da democracia - usemos desse poder, unamo-nos todos nós. Lutemos por um mundo novo ...
um mundo bom que a todos assegure o ensejo de trabalho,
que dê futuro à mocidade e segurança à velhice.


É pela promessa de tais coisas que desalmados têm subido ao poder. Mas, só mistificam! Não cumprem o que prometem. Jamais o cumprirão! Os ditadores liberam-se, porém escravizam o povo. Lutemos agora para libertar o mundo, abater as fronteiras nacionais, dar fim à ganância, ao ódio e à prepotência. Lutemos por um mundo de razão, um mundo em que a ciência e o progresso conduzam à ventura de todos nós.
Soldados, em nome da democracia, unamo-nos.


Hannah, estás me ouvindo? Onde te encontres, levanta os olhos! Vês, Hannah? O sol vai rompendo as nuvens que se dispersam! Estamos saindo da treva para a luz! Vamos entrando num mundo novo - um mundo melhor, em que os homens estarão acima da cobiça, do ódio e da brutalidade. Ergues os olhos, Hannah! A alma do homem ganhou asas e afinal começa a voar. Voa para o arco-íris, para a luz da esperança.
Ergue os olhos, Hannah!"

Ergue os olhos!"

sexta-feira, 11 de julho de 2008

NA JAULA DO LEÃO (CHARLES CHAPLIN)

video
Fonte: YouTube.
Colaboração: Werner Ximendes Beck.

A cena é do filme "O Circo", de Charles Chaplin, datado de 1928. Trata-se de um dos filmes mais populares de Chaplin, onde Carlitos, confundido com um ladrão, se refugia no circo e se torna na atração principal, sendo explorado pelo dono da companhia circense.

quarta-feira, 9 de julho de 2008

MEUS CABELOS VOLTARAM

Por Sérgio Moacir Pereira Fontana

O avanço científico na área capilar que é fonte de preocupações para, pelo menos, 15% dos homens, permite, para quem procura o tratamento adequado, a recuperação da totalidade dos fios de cabelo perdidos. O caso do nosso colega José Alfredo Rodrigues, o Diabo, era dado como perdido até que ele resolveu pedir ajuda à ciência. O resultado está aí, e não é peruca.Assim, ele deixa de ser um deficiente capilar como o Werner.

 
Posted by Picasa

PRÉDIO DA RÁDIO DIFUSORA, BAGÉ, RS

 

Fonte: Jornal "Correio do Sul", edição de 9.jul.2008.
Posted by Picasa

terça-feira, 8 de julho de 2008

WHERE THE HELL IS MATT? (2008)


Fonte: YouTube
Página do Matt: http://www.wherethehellismatt.com

Comentário:

Encontrei esse vídeo por acaso no YouTube. Achei genial!
Uma idéia simples, uma dança com coreografia original e simples, combinadas com uma música agradável.
Não conheço o Matt, mas sei que ele juntou economias, pediu demissão do emprego na Austrália e saiu para conhecer o mundo, percorrendo 42 países em 14 meses. Em cada um desses países, executou sua coreografia, muitas vezes seguido de pessoas que estavam à sua volta.
Gostei tanto e pensei com meus botões: " Já pensou se conseguíssemos fazer um encontro tão alto astral como esse vídeo?"
Compartilho com vocês.

Paccelli José Maracci Zahler.

segunda-feira, 7 de julho de 2008

NEW YORK, NEW YORK (FRANK SINATRA)



Fonte: YouTube.


New York, New York

Frank Sinatra

Start spreading the news,
I'm leaving today
I want to be a part of it - New York, New York
These vagabond shoes, are longing to stray
Right through the very heart of it - New York, New York

I want to wake up in that city, that doesn't sleep
And find I'm king of the hill - top of the heap

These little town blues, are melting away
I'll make a brand new start of it - in old New York
If I can make it there, I'll make it anywhere
It's up to you - New York, New York

New York, New York
I want to wake up, in that city that never sleeps
And find I'm A number 1, top of the list
King of the hill, A number 1
these little town blues, are melting away
I'm gonna make a brand new start of it, in old New York
and- If I can make it there, I'm gonna make it anywhere
It's up to you, New York- New York

New York!

MY WAY (ELVIS PRESLEY)

video

Fonte: Internet.

MY WAY

"And now the end is near
And so I face the final curtain
My friend, I'll say it clear
I'll state my case of which I'm certain
I've lived a life thats full
I've travelled each and every highway
and oh much more than that
I did it my wayRegrets I've had a few
But then again too few to mention
I did what I had to do
And saw it through without exemption
I planned each chartered course
Each careful step along the by-way
And more, much more than this
I did it my wayYes, there were times
I'm sure you knew
When I bit off more than I could chew
But through it all when there was doubt
I ate it up and spit it out
I faced it all
And I stood tall
And did it my wayI've loved,
I've laughed, and cried
I've had my fill,
my share of losing
And now, as tears subside
I find it all so amusing
To think I did all that
And may I say, not in a shy way
"Oh no, oh no, not me
I did it my way
"For what is a man, what has he got?
If not himself then he has naught
To say the words he truly feels
And not the words of one who kneels
The record shows
I took the blows
And did it my way
Yes, it was my way"

Colaboração: Vinicius Ferreira Carvalho.

MEUS CABELOS SUMIRAM!

 


José Alfredo Rodrigues em 1973.

 


José Alfredo Rodrigues em 2008.


Colaboração: José Alfredo Rodrigues.
Posted by Picasa

UNIFORME E CHAVEIRO DO COLÉGIO N. S. AUXILIADORA, BAGÉ, RS (1973)

 

 

 


Colaboração: José Alfredo Rodrigues (Diabo).
Posted by Picasa

domingo, 6 de julho de 2008

ENNIO MORRICONE (TEMA DE FILMES DE CAUBÓIS)


Fonte: YouTube.
Colaboração: Werner Ximendes Beck.

Ennio Morricone compôs trilhas sonoras para os filmes de caubóis feitos na Itália na década de 1960/1970.
No filme acima, Ennio Morricone rege a orquestra com o tema do filme "The Good, The Bad and The Ugly" ( O Bom, o Mau e o Feio).

007 CONTRA O DR. NO (1962)

video
Fonte: YouTube.

James Bond, o agente secreto 007 a serviço de Sua Majestade, contra o Dr. No, foi o primeiro filme da série e data de 1962. No trecho postado, Sean Connery (007) contracena com Ursulla Andress em uma tomada clássica.
Particularmente, eu não perco nenhum filme do James Bond desde que a série foi lançada.

CHAMPAGNE (PEPPINO DI CAPRI, 1973)


Fonte: YouTube.

Colaboração: Suzete Necchi Benites.

A letra abaixo:

Champagne

"Champagne per brindare a un incontro
con te che già eri di un altro
ricordi c'era stato un invito
stasera si va tutti a casa mia.

Così cominciava la festa
e già ti girava la testa
per me non contavano gli altri
seguivo con lo sguardo solo te.

Se vuoi ti accompagno se vuoi
la scusa più banale per rimanere soli io e te
e poi gettare via i perché amarti come sei
la prima volta l'ultima.

Champagne per un dolce segreto
per noi un amore proibito
ormai resta solo un bicchiere
ed un ricordo da gettare via.

Lo so mi guardate lo so
mi sembra una pazzia
brindare solo senza compagnia
ma io, io devo festeggiare
la fine di un amore
cameriere, champagne...."

sábado, 5 de julho de 2008

CANTARÉ, CANTARÁS (13.JUL.1985)


Fonte: YouTube.

Em 13.jul.1985, um grupo formado pelos maiores e mais famosos cantores e cantoras da América Latina foram reunidos para gravar uma música com fins beneficentes, dentre eles, Roberto Carlos, Simone, o Grupo Menudo. Ela se chamava "Cantaré, Cantarás", cuja letra se encontra abaixo:

Cantaré, Cantarás

Quiero ser
un puerto en el mar
ser ese compas
que te devuelva en rumbo.
Quiero ser
un lugar de paz
y no dejar jamas
que se te acabe el mundo.

Amigo, amigo
no hay nada que temer
estoy contigo.
Y despues de la oscuridad
esperando esta
un nuevo dia.

Cantare, cantaras
y esa luz al final del sendero
brillara como un sol
que ilumina al mundo entero
Cada vez somos mas
y si al fin nos damos la mano
Siempre habra un lugar
para todo ser humano.

Junto a ti quiero caminar
compartir el pan,
las pena y la esperanza.
Descubri que en el corazon
siempre hay un rincon
que no olvida la infancia.

Amigo, amigo
hay tanto por hacer,
cuenta conmigo.

Cantare, cantaras
y esa luz al final del sendero
brillara como un sol
que ilumina al mundo entero
Cada vez somos mas
y si al fin nos damos la mano
Siempre habra un lugar
para todo ser humano.

Yo quisiera tener poder
de ayudar y cambiar tu destino.

Te dare cuanto puedo dar
solo se cantar
y para ti es mi vanto
Y mi voz
junto a las demas
en la inmensidad
se esta escuchando.

Cantare, cantaras
y esa luz al final del sendero
brillara como un sol
que ilumina al mundo entero
Cada vez somos mas
y si al fin nos damos la mano
Siempre habra un lugar
para todo ser humano.

I will sing, you will sing
And a song will bring us together
And our hopes and our prayes
We will make them last forever.

Cantare, cantaras
y esa luz al final del sendero
brillara como un sol
que ilumina al mundo entero
Cada vez somos mas
y si al fin nos damos la mano
Siempre habra un lugar
para todo ser humano.

Sugestão: Maria Enaura Caminha Leal Valls.

sexta-feira, 4 de julho de 2008

JOSÉ ALFREDO RODRIGUES (DIABO,DIABINHO)

 


Esta é a foto do José Alfredo Rodrigues. Ele foi nosso colega do Colégio N. S. Auxiliadora no Curso Ginasial.
Era conhecido como Diabo ou Diabinho.
Posted by Picasa

CORRESPONDÊNCIA E UMA CRÍTICA JUSTA


Por Sérgio Moacir Pereira Fontana

A indignação do meu pai a partir de uma carta simples que eu escrevi para casa, em 10 de março de 1978, foi capaz de desmantelar a política equivocada da agência de correios de Bagé, na época. Ele enviou, em 25/04/78, uma correspondência para a coluna "Cartas" do jornal Zero Hora, de Porto Alegre. A resposta demorou um pouco mas veio em 29/08/78.


Abaixo, a carta do pai para a Zero Hora. E, na seqüência, a resposta encaminhada pelo Sr. José Mattos Santos, Chefe do Gabinete da Presidência, Brasília, DF.



 

"Senhor Editor: Uma carta de Pelotas para Bagé deve levar, no máximo, três dias para ser entregue ao destinatário, podendo-se admitir que leve cinco dias, por acúmulo de serviço ou qualquer outro problema. No entanto, uma carta carimbada no correio de Pelotas no dia dez de março só foi entregue aqui no núcleo residencial Marechal Mascarenhas de Moraes, onde resido e onde residem mais de 240 famílias, no dia primeiro de abril. Como a referida carta foi entregue junto com outras correspondências procedentes de Rio Pardo e que foram postas no correio daquela cidade no dia 13 de março, levando portanto 17 dias, quer me parecer que a política que está sendo usada pela agência local do correio é a de primeiro acumular a correspondência, para então, quando julgar conveniente, mandar proceder a entrega. Ora, a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos é um órgão de prestação de serviços, e evidente está que quem a utiliza o faz consciente de que será bem atendido. Pois, ao menos com relação ao nosso núcleo residencial, isto não está acontecendo, sob a alegação de que existe deficiência de funcionários, afastamento por doença, férias, etc. E, em conseqüência, quem fica prejudicado é o público, que afinal de contas se constitui na razão de ser daquele órgão. É claro que se existe deficiência de funcionários, terá que acontecer algum atraso na entrega da correspondência. Mas entendo que, em situação como esta, uma solução viável seria a utilização dos órgãos de comunicação para informar ao público, solicitando então que a correspondência fosse procurada naquela repartição. Seria, quem sabe, uma das maneiras de solucionar o problema, com o público recebendo mais ou menos em dia a sua correspondência e, talvez, facilitando as coisas para a repartição dos correios. Mas seja qual for a providência a ser tomada, o que não pode acontecer é este absurdo. Uma carta de Pelotas até o núcleo Mascarenhas de Moraes, bem próximo da zona central, levar 20 dias, é algo que não dá boa recomendação à Empresa e, na minha opinião, está a merecer uma providência de quem de direito. - Octacílio Fontana - Bagé".

 
Posted by Picasa


A partir daí a velocidade dos carteiros de Bagé aumentou consideravelmente, e uma carta que antes demorava até vinte-e-um dias para percorrer dois mil e quinhentos metros, passou a fazer o mesmo trajeto em, no máximo, dois dias. É possível que tudo isso tenha contribuído para recuperar a forma física dos profissionais que faziam a entrega das correspondências dos bageenses, em 1978.

O CERCO DE BAGÉ, 1893

 


um flagrante do chamado "cerco de Bagé" junto à Igreja de São Sebastião, durante a Revolução Federalista de 1893.

Fonte: Companhia Jornalística Caldas Júnior, Porto Alegre, RS.

Colaboração: Sérgio Moacir Pereira Fontana.
Posted by Picasa

quinta-feira, 3 de julho de 2008

GRUTA DE N. S. DE LOURDES, BAGÉ, RS

 

Fonte: Internet.
Fotógrafo:Valter Jorge Schaffel.

A gruta de N. S. de Lourdes fica entre a Catedral de São Sebastião e o Grupo Escolar Monsenhor Constábile Hipólito. Quando eu era pequeno, havia uma pequena fonte de água corrente. Com o tempo, talvez com o preço da água (e a falta de água em Bagé)a fonte foi retirada.
Após as missas de domingo, as crianças e as pessoas em geral costumavam ficar contemplando a simpática grutinha.
Posted by Picasa